Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 [Filler 42] Única Chance

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin


Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 3919

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 30460
Total de Habilitações: 903,25

MensagemAssunto: [Filler 42] Única Chance    Ter 2 Set 2014 - 0:13

Os primeiros raios de luz já se desenhavam na moldura de sua janela, protegida pelas pesadas cortinas vermelhas. Os piados de poucos pássaros e o ruído das senhoras varrendo a areia de suas calçadas, avisavam-no de que o grande dia finalmente havia chegado. Suspirando com impaciência, o jovem gemeu ao se levantar e sentar na cama, trazendo consigo grandes olheiras em seu rosto pálido, consequências da falta de sono que a ansiedade trouxe durante a noite anterior. Baixando a cabeça, ele mal acreditava na força que ele precisou para conseguir se mover novamente. Ele se lembrou da traição de seu discípulo, da traição de seu companheiro de infância, da traição do comerciante. Neste mundo parecia não existir sinceridade. Mas seu desejo de vingança o trouxe até aquele momento. - Eles pagarão. - Sussurrou ao mesmo tempo em que impulsionou suas pernas para se levantar. Novamente a dor do ferimento da picada se fez presente, manchando ainda mais o curativo em sua coxa num tom avermelhado. Daisuke suspirou mais uma vez e mancou até o banheiro, onde começou a tomar um breve banho gelado para acordar de vez daquele torpor incômodo. Nesse momento seus olhos fundos se encontraram com a imagem magra e decadente diante do espelho, obrigando-o a fechar os olhos instintivamente como se não quisesse acreditar em tudo que se passou. Queria chorar mais uma vez, mas não tinha tempo, pois naquela manhã, ele poderia retomar sua vida. Assim, tentando esquecer o que vira, o jovem lavou o rosto e caminhou até o quarto de seus pais, onde buscou uma química que sua mãe usava para colorir seus cabelos. - Foda-se. - Concluiu, derramando o líquido sobre a cabeleira loira.

- Já falsifiquei a assinatura de meu pai nos bilhetes. Isso não será problema! - Disse a si mesmo.

2 horas depois...

Os dois chuunins aguardavam pacientemente na entrada do ginásio como previsto. Olhando para o relógio, o que aparentava ter mais idade já esperava algum atraso do candidato devido à condição especial do avaliado. Para dizer a verdade, ele até que ainda se questionava o motivo deles de estarem ali, afinal, nenhum ninja inválido seria aceito nas linhas da Vila de Suna. Era perigoso demais. A equipe dependeria de suas reações rápidas e para tanto, um paraplégico não seria capaz de atuar. Essas reflexões ocupavam sua cabeça, quando enfim olhou para seu companheiro, sorrindo-o desajeitadamente ao torcer que ele não adivinhasse seus pensamentos preconceituosos, apesar de plausíveis. Então, nesse momento uma carroça começou a se aproximar rapidamente até frear bruscamente a frente dos dois que viraram o rosto para proteger as vias aéreas de toda poeira que o veículo levantara com a manobra arrojada. - Desculpem a demora. - Comentou o rapaz, descendo os degraus numa desenvoltura que surpreendeu os dois avaliadores. Seus cabelos agora num tom grisalho remetia uma revolta em seu passado recente na academia e sua sede secreta por vingança de tudo o que aconteceu com ele. O chuunin mais velho limpou a garganta e acenou positivamente para o rapaz, entrando no ginásio sendo logo acompanhado do outro que tentava segurar o riso daquela figura enigmática que era Daisuke. Pondo-se na lateral da quadra de esportes, eles buscaram suas pranchetas e aguardaram o jovem se colocar no centro do local. Daisuke estava nervoso com a situação. Ele lutava contra a dor contínua em sua perna, obrigando-o a esforçar-se para não demonstrar fraqueza. Realmente precisava não demonstrar nenhuma fraqueza.

- Muito bem, vamos começar. - Comentou o mais novo, apontando para os alvos no fundo do ginásio. Daisuke entendeu na mesma hora e levou a mão à pequena mochila de equipamentos ninja, evitando usar as tatuagens que tinha nos pulsos. Fazendo uma rápida mira e uma careta de esforço, ele arremessou três shurikens na direção dos três alvos presos à parede reforçada. O silvo dos projéteis ecoaram pelo ginásio até que dois estalos de madeira indicavam que havia atingido apenas dois dos alvos. Daisuke suspirou com frustração, quando viu os dois homens tomarem nota do ocorrido. - Continue. - Solicitou o ninja mais velho. Repetindo a operação, novamente arremessou as armas, mas dessa vez os alvos foram atingidos. Os avaliadores acenaram positivamente e apontaram para uma saco-de-pancadas que balançava vagarosamente na estrutura metálica. O Hiroshi caminhou para o local e começou a efetuar alguns golpes de taijutsu quando resolveu impulsionar o corpo num rodopio. Sua perna ferida reclamou, fazendo-o morder o lábio para suportar a dor, aterrissando com um chute lateral com a perna saudável. Apesar de escondido pela calça, seu ferimento começou a escorrer uma mistura de amarelada, manchando a vestimenta. O rapaz torcia para que os avaliadores terminassem essa parte e que não vissem a mancha, mas estes permaneciam centrados em anotar em suas pranchetas. - Pare. - Comandou o jovem, apontando para o centro. Sabendo qual seria o próximo teste, o avaliado caminhou até o centro, esforçando-se para não mancar, quando efetuou um selo conhecido e se transformou num mercador qualquer. Pelo menos seu Henge parecia perfeito. - Ótimo. Agora circunde o ginásio três vezes com shunshins. - Inquiriu o velho.

"Porra!" - Reclamou em pensamento. O coração de Daisuke disparou de nervosismo. Parecia que o velho havia percebido sua tentativa em manipular o teste, o que o fez olhar para a coxa onde uma mancha avermelhada começava a ficar maior. Seu corpo doído nada significava para a dor que sentia no ferimento, mas mesmo assim, ele sabia que se não completasse o exercício, talvez nunca mais retornaria a ser um ninja. Seu plano de vingança estaria perdido. Então, acenando positivamente, Daisuke suspirou e usou seu chakra para disparar contra a parede oposta, onde forçou as pernas mais uma vez para realizar as curvas fechadas até a lateral, terminando a primeira volta com velocidade. Atentos, os avaliadores pareciam ter enfim esquecido de suas pranchetas, acompanhando o jovem que já se disparava na metade da segunda volta quando aconteceu. Não aguentando mais a dor, o corpo do estudante começou a fraquejar. Sua cabeça começou a tontear, fazendo-o desequilibrar na última curva da terceira volta. Um ruído abafado se fez quando o corpo se chocou a parede. OS avaliadores fizeram menção de ajudá-lo, mas logo foram interrompidos. - NÃO! EU CONSIGO! - Gritou com fúria, negando-se a dor e os efeitos de sua fraqueza. Precisava terminar. Era sua única chance. Única chance. "Seja homem, porra!" - Açoitava-se, relembrando das gargalhadas de seus inimigos. Mesmo tremendo, seu corpo reagiu. Levantando-se com raça, ele conseguiu realizar o último shunshin necessário para terminar o circuito. A avaliação tinha terminado. Novamente os chuunins retornaram a fazer suas anotações, retirando-se para um canto a discutir o que acabaram de ver. Ofegante, Daisuke se encostou num canto de parede, certo de que tinha feito todo o possível para passar.

O suspense era esmagador. o loiro não sabia se aquele erro fora suficiente para deixá-lo fora da nota de corte. Vendo os gestos que os chunnins faziam um com o outro, ele podia notar um certo ceticismo entre eles, quando os dois se viraram ao mesmo tempo e se aproximaram. - Muito bem. - Começou o chuunin mais velho. - Acabamos de discutir sobre o assunto, e apesar de ter visto seu ferimento abrir, sua determinação o fez ganhar alguns pontos importantes. Por isso... Parabéns. Aproveite estas três semanas de férias, pois logo lhe enviaremos uma mensagem dizendo quando você deverá se apresentar. - Concluiu o homem, estendendo-o uma insígnia com a ampulheta, marca da Vila de Suna. Agora ele era um genin pela primeira vez. A primeira parte de sua reviravolta fora completada. Daisuke tentou esconder seu sorriso emocionado e mancou com certa rapidez até os avaliadores, apertando as suas mãos com força e determinação. Agradecido, o jovem então saiu do ginásio mais lentamente, subindo no seu veículo particular, onde o cocheiro acabava de jogar o fumo no chão quando viu a aproximação do patrão. A portinhola se fechou atrás de Daisuke quando finalmente ele levou as duas mãos trêmulas até o ferimento, gemendo baixinho para não chamar a atenção. Rasgando um pouco de seu uniforme, Daisuke prendeu a circulação da perna para estancar o sangramento momentaneamente quando bateu por duas vezes na pequena janela autorizando o empregado a partir. - Para casa senhor? - Perguntou o cocheiro.

- Não. Argh! Para o hospital, rápido. - Cochichou entre caretas de dor.


CONTINUA...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Tio Tsu

Administrador | Outras Vilas
Administrador | Outras Vilas


Sexo : Masculino
Idade : 20
Localização : Nárnia, where unicorns tend to live!
Número de Mensagens : 5773

Registo Ninja
Nome: Katsu Imagawa
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 563
Total de Habilitações: 717

MensagemAssunto: Re: [Filler 42] Única Chance    Ter 2 Set 2014 - 11:28

Achei engraçado. Aposto que esta é a única história do forúm cujo Filler 42 é o teste Genin do protagonista xd. Isso faz as pessoas mais incultas pensarem que até então o teu personagem não passara de um estudante da academia que ficou bastante forte! Engraçado xd.

Pensei que ele ia ownar mais, mas percebi que me havia esquecido do ferimento da vespa (foi uma vespa, né?) que desencadeou esta situação toda. Vamos lá ver se ele consegue superar a situação sem que a cada levantamento de uma perna escorra um líquido amarelo, semelhante a mijo S:.

Continua ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.narutoportugalrpg.com/rpg_sheet_edit.forum?tid=12c1c6
BigBoss

Administrador | Konoha
Administrador | Konoha


Sexo : Masculino
Idade : 20
Número de Mensagens : 1657

Registo Ninja
Nome: Kride Uchiha
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 296,5
Total de Habilitações: 291,25

MensagemAssunto: Re: [Filler 42] Única Chance    Qua 3 Set 2014 - 3:12

Teve mesmo piada o exame gennin ser no teu filler 42!  É algo que possivelmente não se repetirá na história do NRPG e ainda foi mais divertido pelo facto dele ter tido de se esforçar, por causa lá do ferimento, que eles nem sonham o poder do Daisuke xd

Continua! ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bruno Moraes

Administrador | Iwa
Administrador | Iwa


Sexo : Masculino
Idade : 28
Localização : Em algum lugar de lugar nenhum
Número de Mensagens : 3430

Registo Ninja
Nome: Kyo Kusanagi
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 14350
Total de Habilitações: 733,75

MensagemAssunto: Re: [Filler 42] Única Chance    Qua 3 Set 2014 - 23:42

Pois bem, agora que realmente fez o Exame gennin vou mudar a sua ficha para que possa começar a sua Jornada Shinobi xd .
Lá se foi mais um etapa para a reviravolta do ex loiro e agora grisalho Gennin de Suna. Creio que esse título não vai ser por muito tempo, mas só o olhar das pessoas a ver sua mudança de vegetal para gennin já vai ser muito bom. Principalmente para o Sensei e o amigo traíra que ao ver sua evolução devem sentir um arrepio na espinha.

Força na Historia!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Filler 42] Única Chance
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Sunagakure :: Fillers-
'); }