Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 OVA 27 - Rei dos Frangos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Rich

Moderador | Konoha
Moderador | Konoha


Sexo : Masculino
Idade : 18
Localização : Não olhes para trás neste momento...
Número de Mensagens : 1711

Registo Ninja
Nome: Uchiha Takeshi
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 630
Total de Habilitações: 257,5

MensagemAssunto: OVA 27 - Rei dos Frangos   Ter 9 Fev 2016 - 14:01

Com a participação de Ayame Midori & Naho Kita

- Achas mesmo que eu devia ir ver este gajo? - a sua sobrancelha erguida não escondia a desconfiança na sua cara. Takeshi trocava o olhar entre Ayame e o cartão que esta lhe dera.
- Sim, acho. Alguma vez falaste com alguém sobre tudo o que se passou na tua vida? Sobre o que viste, o que viveste... - a sua voz calma tentava persuadir o Uchiha a baixar as suas defesas e finalmente aceitar a sua sugestão - Já tens consulta marcada para as 15:30.
- Mas já me viste bem o slogan dele!? "Psicólogo Ninja: para quando o ninja pira"?! Isto é uma merda, uma poia. Eu não vou, recuso-me! - barafustou.
A Midori massajou a testa impaciente:
- Se tu fores a uma consulta INTEIRA...eu ensino-te um jutsu.
Um sorriso malando brotou na cara de Takeshi, esperando ouvir o que esperava:
- Que jutsu?
Ela revirou os olhos e suspirou:
- Overf... - antes mesmo de terminar a frase, Takeshi desaparecera numa nuvem de fumo. Quando este estava fora do radar, a jovem virou-se e sorriu - Vai sonhando. Muito bem, Ayame, muito bem! - e deu uma palmadinha nas suas próprias costas.

Do outro lado da vila, em frente ao consultório, encontrava-se Takeshi a olhar para a porta como um burro a olhar para um palácio. Engoliu a seco e entrou relutante na sala de espera. Assim que se deu conta do aspeto da sala, fez uma cara de enjoado enquanto se sentava numa das cadeiras:
- Ugh, isto é tão "hospitalício"... - No lado oposto encontrava-se uma porta cujo o letreiro mostrava o nome do suposto terapeuta que o iria atender - De certeza que o consultório é bastante clichê: uma chaise longue para eu me deitar; uma poltrona ao lado, uma secretária toda xpto, uma janela com uma vista bastante dramática para a vila e livros. Livros e livros e livros e mais livros....
Olhou para o relógio, impaciente. Já eram 15:30, logo não tardariam a chamá-lo. Nesse mesmo instante uma cara conhecida adentrou na sala. Os dois cruzaram olhares e acabaram por ficarem estáticos e com cara de parvo quando se reconheceram. Takeshi tremeu um ligeiro sorriso forçado, idém aspas para a jovem:
- N-Naho..!!! Que agradável surpresa ver-te aqui....num consultório....psiquiatra....!! - forçou uma gargalhada fraca
Naho coçou a cabeça sem saber para que lado se virar:
- É. Pois. Erm...Sim. C-Curioso, né? - também esta forçou uma gargalhada
A porta abriu-se e o médico deu um passo para fora:
- Uchiha Takeshi?
O corpo de Takeshi gelou de vergonha. Levantou-se num salto e caminhou para a sala, justificando-se ao mesmo tempo à jovem Kita:
- Pois, sabes....Tenho aqui um familiar e tal...Burocracia. - gesticulava e tentava passar uma postura descontraída. Naho, por sua vez, apenas abanava a cabeça em afirmação rezando que o seu nome não fosse chamado.
Mais uma porta abriu-se e uma médica chamou:
- Naho Kita?
A konohanin soltou um pequeno gritinho. Agarrou na sua tralha e entrou na sala o mais rápido que pôde.
Aquilo foi bastante estranho...

- Bem-vindo Takeshi. Eu sou...
- A sua cara não me é estranha. - interrompeu Takeshi.
- É normal, eu sou...
- Eu já vi essa cara em algum sítio...Eu sei que sim!
- Eu compreendo, eu sou...
Takeshi estalou os dedos:
- Huuuummm, onde, onde, onde? - murmurava Takeshi - Já sei! Não és tu que costuma estar na caixa do banco?
- Não. Se me deixasses falar eu dizia-te que sou...
- Da farmácia? É da farmácia?
- Não, sou...
- Do mercado. Eu sei que já o vi no mercado. - o Uchiha parecia bastante convicto no que dizia, enquanto o psicólogo mostrava-se cada vez mais irritado e impaciente.
- Pelo amor de Deus, deixe-me falar! Eu sou... - Takeshi bateu palmas como "Já sei!"
- Você aparece nos livros da Academia! Eu sei que já vi lá a sua cara! - sorriu, contente pela sua descoberta.
O psicólogo bateu com força na mesa:
- JÁ LHE DISSE QUE NÃO! EU SOU TEUCHI, O DONO DO RAMEN ICHIRAKU!
Takeshi voltou a estalar os dedos:
- Eu sabia que era daí.
Teuchi consertou os seus óculos e a gola da sua bata.

- Fale-me de si. Quem é o Takeshi. Pergunte-se: "Quem sou eu?"
Takeshi estava deitado na chaise longue, bastante pensativo. Os dedos estavam cruzados uns nos outros, unindo as suas mãos, e tilintavam pelo seu peito:
- Hum...Essa é uma boa pergunta, realmente. Não sei se tenho uma resposta para ela, não agora.
- Certo, certo... - rabiscou algumas coisas numa prancheta - Diga-me no que é bom. No que o realiza FORA da sua vida como um ninja.
Os lábios de Takeshi abriram-se num sorriso doce e inocente:
- Sempre fui bastante bom a cozinhar e os churrascos são a minha especialidade.
- Vamos explorar essa sua realidade.
- Quando era puto e faziam almoços de família lá em casa, era sempre eu que assava a carne/peixe. Na minha família e lá pelo bairro eu era conhecido pelo "Rei dos Frangos". Mas depois comecei a arrastar asas para as moças e ficou "Rei das Frangas".
- E já pensou em afastar-se uns tempos do mundo ninja e ingressar num "passatempo" mais terapêutico, relaxante?
- Claro que já, mas não é fácil arranjar um trabalho mais soft quando se tem isto! - e imolou um braço instantaneamente - Eu asso com isto. Mas fico sempre a cheirar um bocado a carvão...
- Abra um restaurante!
- Quê?!
- Sim, abra uma churrascaria. Afaste-se do ninja e aproxime-se mais da cozinha! Eu também já fui assim, quando era novo claro. Virei gennin e cheguei mesmo a ser chuunin, mas a realidade ninja não me seduziu da mesma forma que o fogão o fez. Eu encontrei a minha vocação: ramen! E desde de então, sirvo o melhor ramen da região. Experimente.
Takeshi levantou-se do sofá. Agradeceu a consulta e preparou-se para sair da sala. Aquela ideia não era má de todo e talvez fosse uma boa forma de usar os seus poderes. Sorriu e abriu a porta. Nessa mesma altura vinha Naho a sair da sua sala. Cumprimentaram-se silenciosamente e Takeshi seguiu o seu caminho. Porém, algo despertou na sua consciência. Parou e virou-se para Kita:
- Isto vai parecer BASTANTE estranho, mas aceitavas abrir uma churrascaria comigo?
Naho mante-se em silêncio, para mal do Uchiha:
- Ok, foi estúpido, eu s....
Naho sacou de um peru depenado algures do seu saco e atirou-lho para as mãos:
- Tenta não o queimar e pegar fogo ao estabelecimento. - gozou a jovem. Ou estava mesmo a falar a sério?
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://senpai-k.tk
Anotherx

Administrador | Ame
Administrador | Ame


Sexo : Masculino
Idade : 20
Localização : Marinhais (Santarém)
Número de Mensagens : 1269

Registo Ninja
Nome: Sikira Eleison
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1595
Total de Habilitações: 85

MensagemAssunto: Re: OVA 27 - Rei dos Frangos   Sex 12 Fev 2016 - 13:24

WAT... O que é que eu acabei de ler? xd
Excelente OVA, bombardeaste o pessoal de cenas random de tal forma que não houve tempo para respirar ou meditar sobre a última piada, no entanto a escrita não foi forçada e foi uma leitura extremamente leve a agradável. Dito isto espero por uma continuação desta história.

Citação :
quando era novo claro. Virei gennin e cheguei mesmo a ser chuunin
O sage dos 6 ramens está obviamente a mentir...
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
OVA 27 - Rei dos Frangos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Konohagakure :: Fillers-
'); }