Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 HS[F09]Prova n°2 - A Travessia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
GhosTTerroR

Membro | Suna
Membro | Suna


Sexo : Masculino
Idade : 29
Localização : Porto / Coimbra
Número de Mensagens : 5166

Registo Ninja
Nome: Himura Senshou
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 2850
Total de Habilitações: 187,5

MensagemAssunto: HS[F09]Prova n°2 - A Travessia   Qua 8 Jun 2016 - 17:38

Spoiler:
 

- A próxima prova vai decorrer mais a sudeste daqui! - Vociferava Ikuza, de costas para os catorze que corriam atrás dele. - Quando lá chegarmos, darei mais informações...


~

Outro grupo de shinobis também se ia deslocando para o mesmo local...

- Naomi, estamos perto? - Perguntou o mais alto de todos, Mokuba.
- Já faltou mais, mas o melhor é repousarmos... Avançaremos depois pela madrugada apanhando a frescura do amanhecer.
Encostaram a pequena embarcação à margem e desembarcaram para que posteriormente, todos, se tentassem acomodar para repousar...


~


[i]Entretanto, Ikuza e os 14 candidatos chegaram a uma praia onde estava atracado um grande velho barco de madeira. Aí todos pararam, imitando o guia, que começou a falar alguns segundos depois de observar toda a área com as mãos à cintura:
- Esta segunda prova consiste na travessia, de barco, até aquela ilha. - Apontou, em frente, na direção das águas marítimas. Todos viram a porção de terra. Não era enorme, mais era maior, em área, que a maioria das aldeias, apesar de parecer minúscula, à distância. Ikuza continuou, virando-de para eles: - Esta prova é diferente da anterior - todos têm a possibilidade de a superar! Porém, se eventualmente mais de metade, sete, forem "desclassificados", digamos assim, a prova será anulada e logo decidirei o que fazer, mas não espero que isso aconteça.
- Desembucha logo! - Enpuu, picando-o.
Ikuza levantou-lhe a mão e continuou a explicação:
- A regra é simples: quem cair do barco é desclassificado e não se pode candidatar à N.I.S.O.. Como é óbvio abandonar ou sair do barco considera-se na mesma condição, e se o barco for dedtruído, ou se virar, todos perdem e a missão fica sem efeito... Todos a bordo! Eu vou dar uma ajuda a estiar as velas e a colocar o barco nas águas, mas depois nada mais até chegar à ilha... Hajime!

Os 15 subiram para o barco por um passadiço de madeira. Raijin e Ikuza, após algumas instruções partilhadas saltaram novamente para as águas rasas. Os que estavam lá dentro recolheram a rampa puxando duas alavancas paralelas. Raijin e Ikuza, caminhando sobre as águas com o Kinobiri, empurraram a embarcação... Assim que o casco se desprendeu e o barco começou a boiar, eles voltaram a escalar para o interior. Najime Ikyza trepou para cima de uma velha cabine onde se armazenavam utensílios do navio e sentou-se de pernas cruzadas... O vento apanhou as velas e o barco começou a ganhar velocidade...
Rouku, o shinobi do país dos rios, tomou o leme, segurando-o com firmeza. Senshou acabou por ajudar a aumentar a velocidade através do uso do ninjutsu "Fuuton, Toppa". Havia quem controlasse as velas, quem vigiasse, quem coordenasse a trajetória, ... Foram-se revelando as várias tarefas exigidas pela embarcação. No entanto, parecia tudo demasiado fácil! O céu estava limpo, sem sinal de aproximação de tempestade. As águas, com uma ondulação regular...
- Ah! - Ikuza, que já era ignorado por todos, voltou a surgir levantando o indicador, mas sem se levantar. - Nestas águas vive uma criatura gigante, uma espécie de Dragão-Serpente-Marinho! - «Aí está a prova!» Pensaram todos. Os que estavam mais perto das bordas começaram a olhar para baixo, procurando  criatura...
- Ali!!! - Jubei, do lado direito, esbracejou apontando para uma enorme sombra comprida deslocando-se debaixo das águas a poucos metros do navio. A maioria dos shinobis foi ver, ficando um pouco surpresos com o tamanho... E ainda mais quando a criatura emergiu a cabeça, sem focinho alongado. Tinha dois grandes olhos quase redondos e o seu corpo era revestidos por espessas escamas azuis escuras. Tinha uma larga boca e dois pequenosorifícios acima desta,  entre os olhos. Seu vorpo era como o de uma serpente, mas menos cilíndrico, mais robusto e formado.
- ...é apesar de tudo uma criatura pacífica, - explicva Ikuza, - se não a irritarem...
Os catorze tinham os olhos postos nela, que também os observava com o canto do olho esquerdo. No momento seguinte esse mesmo olho foi atingido por uma bola de neve!
«NANIII!!!?» 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0 / 0.0
- Quem fez isto!? Quem é o usuário de Hyouton!? - Perguntou Zedan agarrando com desespero o seu farfalhudo cabelo branco engelado. A criatura soltou um gemido e mergulhou.
Todos se começaram a entreolhar, mas ninguém se acusava, ninguém que não buscasse o autor do ataque no olhar dos que o rodeavam.
Uma sombra pairou sobre o barco, sobre todos eles. A criatura surgira do outro lado do barco, erguendo-se a uma altura tal que tapava a luz do sol. Ikuza sorriu, observando tudo com atenção.
«!!!!!!»
Todos ficaram alarmados e se esqueceram do "hyouton".
Senshou aproveitou todo o fato e foi o primeiro a reagir, não fosse tudo um teste, esta seria uma boa oportunidade para se revelar. Correu para o mastro principal e depois para cima, através dele. Shao também reagiu de imediato e seguiu-o. Senshou correu para a esquerda sobre um mastro da vela e Shao para o lado oposto. Agarraram em shurikens e harigane e lançaram-nas:
- Ayatsuito no Jutsu! - Em simultâneo! As linhas envolveram a serpente-dragão e os gennin saltaram novamente para o convés, onde quatro shinobis os ajudaram a tentar capturar a besta, dois de cada lado, segurando nas linhas. Krono e Akizuya ficaram do lado de Senshou.
A criatura abriu a boca e, além de um gemido tenebroso, revelou uma carmalheira de dentes ponteagudos, típicos de várias espécies de peixes carnívoros.
Angelline estava do lado de Shao, à frente dele. Seus olhos iluminaram-se como um flash de relâmpago e eletricidade correu através do harigane eletrocutando a besta que se enfureceu e mergulhou em direção ao barco. Todos largaram as linhas shinobi, exceto Oshan, o velho...
«Ó diabo! X.x! Devia ter desistido na prova anterior...» Largou-as tarde demais e não conseguiu evitar desiquilibrar-se com o balancear do barco, acabando por cair à água. Yasumi lançou-lhe rapidamente uma corda para o socorrer, mas ele estava desqualificado de qualquer forma...
- Ei! Raijin! Podias ter ajudado aqui! - Reclamou Senshou.
- Dameda! - Respondeu, mantendo-se no centro do convés onde estivera com Enpuu e Marikah toda a viagem até ali. - Não valia a pena, a criatura me puxaria também.
«Afff!!! Então faz qualquer coisa!» Pensou Senshou para si, mas não o disse.
Rouku mantinha-se ao leme enquanto que Jubei e Shibishi tentavam encontrar a criatura nas águas... Uma forte pancada fez com que todos cambaleassem! Shibishi caiu borda fora! Ums vez mais, Yasumi lançou uma corda para a socorrer, ainda com o barco a balançar, mas não a viu. No instante seguinte uma mão quase transparente agarrou a corda. Depois a outra mão...
- A pele de Shibishi fica "camuflada" em contacto com a água devido à sua Kekke Genkai, - explicava Enpuu, - mas de nada lhe serviu...
- Estes três! - Akizuya, furioso. - Só falam e não fazem nenhum! - Nesse momento a sua pequena cadela branca, Kika, começou a ladrar para o lado oposto, onde a serpente-dragão se ergueu, por detrás do distraído Erenai Jubei.
- Cuidado! - Alertou Senshou.
- Raito Kyuunii! - Jubei criou duas esferas de luz. Lançou-as à criatura marinha, mas ao embaterem nas suas rígidas escamas pareceram não surtir qualquer efeito. - Shibatta!
«Tenho que intervir!» Marikah aproximou o polegar da boca.
- Pára! - Gritou Ikuza. - Não podes invocar a tua borboleta. Usar outra forma de "transporte" é o mesmo que abandonar o barco!
Marikah virou-se para ele, mostrou-lhe o " .|. " e mordeu o polegar à mesma!
«0_X!?»
- Kuchiyose no Jutsu! Chikochu!
Para ganhar algum tempo, Enpuu e Raijin lançaram uma bola de fogo, e Yasumi também, logo de seguida. A criatura apenas piscou os olhos, e a boca. Quando os abriu soltou um rugido! Já estava porém rodeada de pequenas borbuletas cor-de-rosa. A criatura começou a ficar tonta e seus olhos começaram a fechar...
- Ah! Porque não fizeram isso antes!? - Reclamou o velho sentado a um canto.
- É... - concordou Shibishi de boca torcida, sentada ao seu lado.
A criatura mergulhou calmamente nas águas e todos os shinobi respiraram de alívio.
Ikuza sorriu de satisfação!
«Passam 12 à prova final!»


~


- Ah, porra!!! Isto foi perigoso! - Queixou-se a nukenin de Konoha, Shikuza.
- Eu mesma tive que me esconder nela... - Sasha apontou para Shikuza com o polegar.
- Não podia adivinhar... - Shinzu, realizou alguns selos... - Que o seu interior estava repleto de ácido! - Bateu com a mão numa superfície metálica. - Ninpou, Bahagran no Jutsu! - A gigantesca jaula contendo uma centopeia-cyclop desapareceu em fumo.
- Vamos "mazé" dar o fora desse deserto horrível! - Kaito, com a voz abafada pelo seu cachecol.
Concordaram.
- Será que os outros também já conseguiram!?
- Provavelmente ainda se irão demorar, visto que não possuem as minhas kuchiyoses. - Falava Shinzu. - O melhor é apressar-me e ir ter com eles, precisarei de todos para caçar a próxima presa...


Última edição por GhosTTerroR em Sab 11 Jun 2016 - 12:02, editado 2 vez(es) (Razão : Sem razão especificada)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.myspace.com/ghostterror
 
HS[F09]Prova n°2 - A Travessia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Sunagakure :: Fillers-
'); }